AFEAL
Associação Nacional de Fabricantes de Esquadrias de Alumínio
Ano -1999

TERMO DE GARANTIA
LIMPEZA E CONSERVAÇÃO DAS ESQUADRIAS E REVESTIMENTOS

LIMPEZA

Para que as esquadrias de sua edificação se mantenham como novas, e em perfeito funcionamento por muitos anos, observe atentamente às seguintes recomendações:

1 – A limpeza das esquadrias, como um todo, inclusive guarnições de borrachas e escovas, deverá ser feita com uma solução de água e detergente neutro, a 5% com auxilio de esponja ou pano macio, observando – se os intervalos de tempo abaixo indicados:

No mínimo, a cada 12 meses em zona urbana ou rural No mínimo a cada 3 meses em zona marítima ou industrial.

2 – As janelas e portas de correr exigem que seus trilhos inferiores sejam constantemente limpos, para evitar o acúmulo de poeira, que com o passar do tempo vão se compactando pela ação de abrir e fechar, transformando-se em crostas de difícil remoção, ao mesmo tempo em que comprometem o desempenho das roldanas exigindo sua troca precoce.

3 – Não usar, em hipótese alguma, fórmulas de detergentes com saponáceos, esponjas de aço, de qualquer espécie, ou qualquer outro material abrasivo.

4 – Não usar produtos ácidos ou alcalinos. Sua aplicação poderá manchar a anodização e tornar a pintura opaca.

6 – Não usar produtos derivados de petróleo (vaselina, removedor, thiner etc.). O uso de tais produtos, no primeiro instante, pode deixar a superfície mais brilhante e bonita. Porém, em sua fórmula existem componentes que vão atrair partículas de poeira que agirão como abrasivo, reduzindo, em muito, a vida do acabamento superficial do alumínio. De outro lado, os derivados de petróleo, podem ressecar plásticos e borrachas, fazendo com que percam a sua ação vedadora.

Em caso de dúvida, antes de utilizar qualquer produto que possa por em risco a beleza e funcionamento de suas portas ou janelas, consulte o fabricante das esquadrias, ou entre em contato diretamente com o Departamento Técnico da AFEAL, pelo telefone (0_ _ 11)221-7144 – São Paulo.

LUBRIFICAÇÃO

Todas as articulações e roldanas trabalham sobre uma camada de náilon auto-lubrificante, razão porque dispensam qualquer tipo de graxa ou óleo.

Estes produtos não devem ser aplicados ás esquadrias, pois em sua composição poderá haver a presença de ácidos e outros aditivos não compatíveis com materiais usados na fabricação das esquadrias.

REGULAGEM DOS BRAÇOS ARTICULADOS DOTADOS DE FREIOS

Toda janela do tipo maxim-ar é fabricada com utilização de braços articulados. Este mecanismo é de vital importância para o perfeito funcionamento da janela.

Cada braço possui um dispositivo chamado “carrinho”, localizado em sua parte superior que, na operação de abrir e fechar a janela, desliza preso a um trilho (tipo berço).

Os braços modernos são dotados de “carrinho” com freio, que podem ser regulados através de um parafuso ou dispositivo próprio.
O fabricante da janela (esquadria), por ocasião da revisão final de entrega, faz o ajuste do freio, Porém, devido á variação de temperatura e à ação do tempo, este dispositivo poderá desregular e perder sua capacidade de controlar a pressão de abertura da janela.
Para saber se o freio está regulado, basta abrir a janela até um ponto intermediário (+-30°), a qual deve permanecer parada e oferecer certa resistência a qualquer movimento espontâneo.
Estará desregulado se a manobra de abrir e fechar forem feita com alguma dificuldade ou se a folha não permanecer aberta no ponto desejado.
Embora a regulagem do freio ser de simples execução, somente pessoa especializada deverá fazê-la, pois se tal ajuste for inadequado, danificará o perfil fixo e colocará em risco e colocará em risco a integridade do braço, e, consequentemente, a segurança do usuário e de terceiros.
Jamais aplique qualquer produto lubrificante nos “carrinho” dos braços articulados.